Menu

vivendodebemcomavida.com.br

Não dormir bem durante a noite pode afetar o coração

Resultado de imagem para dormir mal

É recomendado que se durma, em média, de 8 à 10 horas por noite, pois quando dormimos menos do que esse tempo não conseguimos liberar os hormônios necessários para a nossa saúde (veja aqui, quantas horas você deve dormir de acordo com sua idade). Porém, isso nem sempre é possível, já que cada vez temos menos tempo para realizar nossas atividades.

Sabemos que o sono é essencial para a saúde da pele, combater infecções, evitar obesidade e para a saúde mental, mas estudos recentes têm mostrado que dormir menos do que seis horas por noite pode trazer prejuízos também ao coração.

A Universidade de São Paulo (USP), está realizando uma pesquisa investigativa a fim de descobrir o que poucas horas de sono podem causar à saúde de uma pessoa. Foram observados 2.400 voluntários, os quais usaram um aparelho durante uma semana que registrou as horas de sono de cada um. Vinte e sete por cento das pessoas avaliadas até agora, dormem menos do que seis horas durante a noite.

Uma outra pesquisa que foi realizada nos Estados Unidos e que contou com 1.300 pessoas, revelou que aquelas que possuem fatores de riscos para problemas do coração e dormem menos do que as seis horas recomendadas, têm o dobro de chances de morrer por AVC e infarto.

Mas nem tudo está perdido, já que é possível adotar estratégias para melhorar a qualidade do sono, como higiene do sono, meditação, terapia cognitiva comportamental e exercícios de relaxamento. Além disso, é importante que as horas de sono durante a noite não sejam inferiores a seis.

Taxa de colesterol

O colesterol sofreu algumas mudanças em suas medidas, segundo o consultor e cardiologista Roberto Kalil. O colesterol bom aumentou, e os índices do colesterol ruim diminuíram.

LDL (colesterol ruim) – abaixo de 70 mg/dl para pessoas com alto risco cardíaco. Abaixo de 50 mg/dl para pessoas com um risco cardíaco muito alto.

HDL (colesterol bom) – antes era preciso estar acima de 60 mg/dl. Hoje, acima de 40 mg/dl.

Colesterol total – antes era necessário estar abaixo de 200 mg/dl. Agora, abaixo de 190 mg/dl.