Menu

vivendodebemcomavida.com.br

Infecção urinária pode ser provocada por baixa imunidade e falta de higiene

 

Muito frequente em mulheres após a puberdade, a infecção urinária causa dor e desconforto.

A infecção urinária como qualquer outra infecção tem ligação com a falta de higiene e a imunidade baixa, porém existem outros fatores que pode ocasionar essa infecção, tais como relação sexual sem proteção, não urinar após as relações sexuais, uso prolongado da mesma peça de roupa íntima, segurar o xixi ou até mesmo a anatomia da pessoa.

É mais comum em mulheres devido a uretra feminina possuir apenas 3 centímetros, quanto a do homem possui 6 ou 7 centímetros em média. O acesso das bactérias é mais fácil em mulheres devido ao fato de elas fazerem xixi com menos frequência que os homens. Devido a isso, a uretra da mulher é menos lavada tornando-se mais fácil para as bactérias se movimentarem.

Quando a mulher urina, essa urina lava o canal da uretra e caso dos homens a próstata produz uma substância que acaba servindo de proteção contra infecções. Algumas mulheres possuem o hábito de se limparem no sentido dos anus para a vagina, sendo que o correto seria da vagina para o anus, o que faz com que as bactérias sejam levadas até a região vaginal.

A origem da infecção pode ser uretra, bexiga e rim que faz com que os sintomas e a gravidade do problema sejam diferentes. Na uretra e bexiga os sintomas são o aumento na frequência de urinar, ardência e acaba saindo pouca urina, dando a sensação de entupimento do canal impendido a urina de sair. A infecção no rim acaba sendo um quadro mais grave e os sintomas são febre, dor nas costas, fraqueza, vômito, alterações no hábito intestinal e perda de apetite. Em alguns casos mais graves a pessoa pode entrar em coma e vir a óbito. Em todos os casos a coloração da urina tem alteração, podendo ficar amarelo forte, além de expelir sangue e resíduos.

O tratamento para infecção no trato urinário é feita com antibióticos. Dependendo do grau de infecção é feito um exame de urina para descoberta dos tipos de bactérias presentes na infecção e assim indicado o antibiótico correto. Na maioria das vezes, o paciente chega com muita dor e sofrimento devido aos sintomas e não é feito esse processo. Quando o caso de infecção é reconte o correto é fazer alguns exames para investigar as causas.

Em gestantes a infecção urinária é muito comum e na maioria das vezes não apresenta sintomas, por isso o exame de urina no pré natal é frequente. Sem tratamento a infecção pode evoluir para os rins, comprometendo suas funções e até ocasionar em um parto prematuro ou até um aborto.

Os médicos recomendam que não segure o xixi, tome bastante água e tenha bons hábitos de higiene como prevenção dessas infecções.