Menu

vivendodebemcomavida.com.br

Dietas de apenas um alimento pode trazer prejuízo à saúde

 

As dietas mais aconselhadas são aquelas que apresentam uma grande variedade na alimentação, existindo nela desde ferro, vitamina C ou ácido linoleico, sem ter que se preocupar com isso.

Algumas dietas que estão na moda, que visam determinados alimentos ou até mesmo que eliminam determinado tipo de comida, na maioria das vezes oferecem uma variedade que apresenta um nível aceitável em termos de nutrição.

Mas se mesmo assim a pessoa que está fazendo a dieta tivesse que se alimentar de apenas um alimento, numa situação provavelmente improvável, qual poderia ser o alimento que seria o mais nutritivo e mais completo?

A carne não seria esse alimento, já que não possui fibra, vitaminas e os nutrientes mais importantes. Também nao estariam a maioria das frutas, legumes e verduras, nessa improvável dieta.

As quantidades de gordura e proteína da carne, não parecem nem de perto nos legumes, verduras e frutas, mesmo se a pessoa comesse uma grande quantidade deles.

Vilhjalmur Stefansson, explorador do Ártico, pesquisou sobre um determinado fenômeno conhecido como “rabbit starvation” que traduzindo significa “inanição do coelho”, que ocorre no norte do Canadá e ocorre quando a pessoa só se alimenta de carne magra, sem gordura, como no caso da carne do coelho. Depois de uma semana, ela irá começar a apresentar dor de cabeça, diarreia, lassidão e um certo desconforto.

Quando as calorias do dia a dia são vindas apenas das proteínas, o fígado fica carregado e ele acaba não conseguindo processar toda essa proteína. Nesse caso, o melhor caminho seria comer apenas batatas.

Jennie Jackson, nutricionista da Glasgow Caledonian University, escreveu sobre o australiano que ficou durante um ano  se alimentando somente de batatas , para conseguir perder peso e passar a ter hábitos alimentares mais corretos.

O diferencial da batata e que ela apesar de ser um amiláceo, ela possui uma quantidade nada comum de proteína e também de aminoácidos. Mas mesmo comendo 3 kg de batatas por dia, não, conseguiria chegar a dois terços da proteína necessária para uma pessoa km o peso de Taylor.

A batata também não possui a quantidade necessária de gordura recomendada, e mesmo Taylor tendo incluído batata-doce na sua dieta, para que tivesse vitaminas A e E, ferro e cálcio, a pesquisadora concluiu que, as vitaminas B, outros minerais e zinco, não estavam fazendo parte dessa dieta. Mas mesmo assim, Taylor parece que passou por esse desafio sem maiores consequências e perdeu bastante peso.

Pessoas que tiveram seus dados epidemiológicos analisados, mostraram que uma variedade de alimentos, como de verduras e legumes colocados na dieta, deixa ela mais saudável o que quando ela apresenta somente um alimento, mas o motivo disso ainda não foi descoberto.

Uma dieta sem a existência de hortaliças, pode significar uma maior probabilidade de a pessoa ter câncer numa determinada época da sua vida.

Jackson ainda declara que não se sabe quais os alimentos que provocam maiores efeitos, mas que a dieta de apenas um alimento pode te poupar estresse e tempo, mas ela pode te deixar doente mais rápido.