Menu

vivendodebemcomavida.com.br

Inteligência artificial: protótipo de sensor de odores está a um passo de diagnosticar o câncer

Não é segredo para ninguém a competição que existe entre pesquisadores acadêmicos em torno de melhorias em prol da saúde. Uma competitividade assertiva, claro!

Cientistas na Áustria, Estados Unidos, Suíça e Japão estão percorrendo a trilha laboriosa em busca de diagnósticos eficazes contra uma doença que há muito vem deixando marcas indeléveis na sociedade: o câncer. Na maioria dos casos, o diagnóstico na fase inicial da doença pode ser a chave mestra para o êxito no tratamento. Estudos apontam que, quanto mais cedo a doença for diagnosticada, mais chances de sobrevivência o paciente tem.

Segundo pesquisas recentes, o estado de saúde de um paciente pode ser descoberto através do odor. Não é de hoje que o cheiro do paciente é utilizado como detector de doenças, culturas milenares como a China e a Grécia utilizavam-se desse método para qualificar determinados tipos de enfermidades. Tudo porque, cada ser humano carrega em si um aroma característico personalizado, uma mistura exclusiva composta por partículas orgânicas que nos diferem uns dos outros.

Baseado nos dados acima, especialistas passaram a examinar de perto o cheiro característico de pacientes com determinadas doenças. Por exemplo, o odor da pele de pessoas acometidas de febre tifoide, lembra o aroma de pão que acabou de sair do forno. Outras doenças também deixam no paciente um cheiro singular, exemplo disso é o aroma de maçã deteriorada que exala da boca de pessoas com diabetes.

É óbvio que as narinas de um médico não podem ser utilizadas como sensores de doenças, mas uma máquina com inteligência artificial pode ser a peça do quebra-cabeças que faltava. A empresa inglesa Owlstone foi pioneira em testes com sensores próprios para a constatação de doenças como o câncer. Em 2014, a esposa do presidente da Owlstone, Kate Gross entrou em óbito devido a um câncer no cólon, o que estimulou o empresário a voltar a atenção para a detecção precoce da doença.

A companhia investiu 23 milhões e 500 mil dólares em um software do tamanho de um chip de celular, capaz de detectar o câncer de pulmão por exemplo. Os testes já foram colocados à disposição de médicos para experiências em pacientes do Reino Unido. Através de pequenas partículas de amostras de odor, o chip separa e define quais substancias químicas são relevantes para a detecção da doença.

Além da Owlstone, vários grupos de pesquisadores no mundo inteiro estão na corrida perene em busca de sensores eficazes para a precisão em diagnosticar doenças através do cheiro. E estão quase na linha de chegada, com o prêmio estimado por cada um dos cientistas: salvar mais vidas através do diagnóstico precoce de doenças.

 

Fonte

 

A Homeopatia como medicina alternativa

Resultado de imagem para homeopatia

 

Hoje podemos contar com uma forma de medicina alternativa, chamada de homeopatia. Ela consiste no tratamento de pacientes com substâncias diluídas, principalmente comprimidos. Tem como objetivo estimular o sistema natural do corpo de cura. Tendo como base os seus sintomas característicos, o homeopata irá indicar a medicação mais adequada no tratamento.

A homeopatia é formada por quatro fundamentos: lei dos semelhantes, experimentação na pessoa sadia, doses infinitesimais e medicamento único.

As ideias da lei dos semelhantes, indicam que uma determinada doença possa ser restabelecida, por uma substância eficaz na reprodução dos mesmos sinais da doença. Isso quer dizer que, o que causa mal numa pessoa saudável, pode sarar alguém doente. Se uma substância venenosa resulta em vômitos numa pessoa saudável, esse mesmo veneno em versão homeopática, sendo diluído, poderá ser usado como tratamento em pessoas que apresentam casos de vômitos rotineiros.

A experimentação na pessoa sadia, é quando são feitos testes em pessoas saudáveis e nunca animais, de medicamentos homeopáticos, procurando avaliar os efeitos de forma objetiva e subjetiva, nesse grupo de pessoas, para achar, o “veneno que cura em doses homeopáticas”.

As doses infinitesimais são formadas, pela diluição rigorosa de um medicamento e dinamização, para se alcançar as propriedades latentes. Segundo alguns médicos, esse princípio causa algumas discussões, porque desafia as leis da física ou da bioquímica comprovadas, o remédio estando tão diluído, é provável que não tenha nenhuma molécula apreciável no princípio ativo original. Em alguns testes, foi observado algumas ocorrências desconhecidas da física quântica, que poderiam explicar a eficiência dos remédios homeopáticos.

Os fundamentos do medicamento único, geram discussões mesmo entre os homeopatas, ele estabelece que o tratamento deve ser realizado de forma que o paciente, tome o remédio que possua o maior número de estímulos, com os sintomas que o paciente tenha apresentado. Assim o homeopata terá como analisar a eficácia do tratamento de forma mais exata.

Segundo a homeopatia, o ser humano não possui apenas uma única doença, ele leva consigo, uma instabilidade que ao longo da vida, acaba aparecendo de diversas formas. Sendo assim, os médicos homeopatas têm como atribuição, fazer um tratamento preventivo e curativo.

A homeopatia apresenta mais de dois mil medicamentos diferentes, que tem sua origem em substâncias vegetais, minerais e animais. A homeopatia é indicada quando se precisa provocar o sistema imunológico e recuperar a estabilidade energética, tendo como base os sintomas apresentados. Ela também é indicada  em casos de problemas  dermatológicos, gastrointestinais, ginecológicos, respiratórios, doenças alérgicas, infecções virais e bacterianas. Também pode ser usada para problemas emocionais, como a depressão. Em casos graves, como o câncer e diabetes, não se deve deixar o tratamento convencional para se tomar os medicamentos homeopáticos, somente com a orientação de seu especialista.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda a homeopatia como medicina alternativa e complementar. Ela foi reconhecida no Brasil como especialidade médica em 1980, pelo Conselho Federal de Medicina e é utilizada pelo SUS (Sistema Único de Saúde) desde 2006.

 

O padrão de luxo dos empreendimentos da JHSF

 

Se você já visitou um prédio residencial de alto padrão na região nobre, um dos hotéis Fasano ou um dos shopping centers da cidade de São Paulo, muito provavelmente esteve em um dos muitos empreendimentos da JHSF. A empresa brasileira com sede em São Paulo completou 35 anos como uma das principais líderes no setor imobiliário de alto padrão e continua a investir em novos empreendimentos no Brasil, nas regiões Sudeste, Norte e Nordeste.

A empresa foi fundada em 1972 por quatro sócios, entre eles os irmãos Fábio e José Roberto Auriemo e sob o nome de JHS Construção e Planejamento Limitada. Nas décadas que se seguiram, a empresa realizou empreendimentos importantes como a construção do Hotel Transamérica Ilha de Comandatuba na Bahia e a ampliação e modernização da pista de treino da General Motors. Em 2001, a empresa construiu o Shopping Metrô Santa Cruz na capital Paulista, o primeiro de sua categoria a ser completamente integrado a uma estação de metrô. Ainda dentro do ramo de Shopping Centers, a JHSF também foi responsável pela construção de outros empreendimentos como o Shopping Cidade Jardim em São Paulo, o Shopping Bela Vista na Bahia e o Shopping Ponta Negra em Manaus, região norte do País.

Além da sua divisão de shoppings, possui outras quatro divisões: hotéis, retail, incorporações e propriedades. Estas outras divisões são responsáveis pela administração, por exemplo, da grife do Hotel Fasano, adquirida pela empresa em 2007 e com hotéis em São Paulo e no Rio de Janeiro. Outro empreendimento a ser citado é o Parque Cidade Jardim, que incluí além do shopping center e possui área residencial e comercial, com o Cidade Jardim Corporate Center. Os trabalhos das diversas divisões da JHSF renderam a ela diversos prêmios, entre eles a nomeação pela Worth Magazine de um de seus edifícios, o Vitra, como um dos 10 melhores edifícios residenciais do mundo, o prêmio melhor empresa do ramo imobiliário, entregue a JHSF pela revista época em 2012, o prêmio PINI de melhor incorporadora, recebido pela empresa em 2014 entre diversos outros. Desde 2007, a empresa possui capital aberto na Bolsa de Valores de São Paulo.

Dentro do ramo da sustentabilidade e responsabilidade social, um dos empreendimentos citados acima, o Cidade Jardim Corporate Center pode se orgulhar de ser um dos poucos a ostentar o certificado AQUA, entregue pela fundação Vanzolini e atesta para a qualidade ambiental do projeto. Além disso, a empresa atua também com projetos sociais na comunidade ao entorno de seus empreendimentos. Pode-se citar, entre eles, o apoio dado à Associação Criança Feliz, ao projeto Ecofuturo da biblioteca Ler é Preciso e à Irmandade Santa Casa de Misericórdia da cidade de Porto Feliz, em São Paulo.

Ao longo de suas mais de quatro décadas de atuação, a JHSF consolidou-se como uma empresa referência no ramo imobiliário de alto padrão no mercado brasileiro, construindo e administrando diversos empreendimentos importantes e consagrando-se não apenas pela inovação e qualidade de seus empreendimentos, mas também pela responsabilidade social e ambiental de suas obras.

Cannabis – Droga desprezível ou medicamento milagroso?

Resultado de imagem para cannabis

A maconha, ou cannabis é famosa no mundo inteiro como a porta de entrada para narcóticos pesados tais como a cocaína e o crack. Porém, há muitos anos a erva é conhecida por seu poder analgésico e estimulante na ajuda contra disfunções mentais. Ultimamente, pesquisadores estão encontrando cada vez mais motivos para encará-la como aliada a diversos tipos de tratamentos.

Um estudo recente realizado pelo Instituto de Psiquiatria Molecular da Universidade de Bonn comprova que um dos elementos principais da constituição da planta, o tetraidrocanabinol, pode causar um efeito antienvelhecimento no cérebro de idosos. O estudo foi realizado em camundongos e está em fase experimental. De acordo com a revista Nature Medicine, os cientistas relataram que as pesquisas foram conduzidas em camundongos idosos e pequenas doses administradas do THC foram suficientes para melhorar o funcionamento do cérebro debilitado.

Os seres humanos têm receptores cerebrais parecidos com os dos ratos, e os pesquisadores estão confiantes que em breve, responderão com a mesma eficácia ao tratamento. Bilkei-Gorzo, um dos cientistas envolvidos na pesquisa comentou:

“Nós seres humanos, temos um sistema endo canabinoide semelhante aos dos ratos. Os receptores estão em regiões cerebrais semelhantes. Por isso, em seres humanos, a maconha atua quase sempre da mesma forma que em ratos.”

Esses receptores atuam diretamente no processo do envelhecimento, e com o passar dos anos, a ação do sistema começa a entrar em recessão. O resultado é a perda de memória, rugas na pele, ossos quebradiços além de outras sequelas que só tendem a piorar com a idade avançada.

No experimento com ratos, os mais idosos tendem a ficar mais coléricos e hostis às cobaias da mesma espécie. Em contrapartida, os mais jovens tendem a amainar o comportamento diante de seus co-semelhantes. Após serem administradas doses de THC nos ratos idosos, o resultado foi positivo, tanto na maneira de encarar os membros da mesma espécie quanto o reconhecimento dos mesmos, similar ao comportamento dos mais jovens.

Em Israel, estudos comprovaram a eficácia da erva em pacientes idosos com sintomas da idade avançada. O estímulo provocado pela cannabis auxiliou no sono tranquilo dos pacientes além de proporcionar mais apetite aos idosos.

Pesquisadores em várias partes do mundo corroboram estudos que apoiam a eficácia da cannabis em pacientes com delírios mentais leves e moderados.

 

Fonte

 

Como perder gordura abdominal

Resultado de imagem para Como perder gordura abdominal

Se tem uma coisa que incomoda a maioria das pessoas, inclusive as mais magrinhas, é a gordura abdominal.

Algumas vezes, mesmo fazendo atividades físicas e perdendo alguns quilos, aquela barriguinha saliente permanece e é realmente muito difícil eliminá-la.

De acordo com diversos estudos, esse acúmulo de gordura acontece de maneiras diferentes em homens e mulheres. Nos homens a gordura abdominal está relacionada com os níveis baixos de testosterona, já nas mulheres ocorre devido ao aumento.

Além dos fatores hormonais, a falta de atividade física, a má alimentação e também questões genéticas são causas comuns da gordura em excesso na barriga, mas com algumas dicas simples é possível reverter esse quadro.

Em primeiro lugar é preciso considerar que a gordura abdominal será eliminada quando o corpo trabalhar e consequentemente aumentar o metabolismo. Ela começa a diminuir de acordo com a quantidade de massa magra, ou seja, quanto mais massa magra, mais calorias e gorduras abdominais serão perdidas.

Mas ao contrário do que muita gente pensa, simplesmente fazer dietas rigorosas, sem nenhuma ingestão de gorduras e carboidratos não é o ideal. No início o corpo vai acelerar o metabolismo e vai surgir algum resultado, mas após um tempo o metabolismo vai se acostumar a ter um menor trabalho e voltará a ficar lento.

Portanto, para garantir a perda de gordura abdominal é imprescindível seguir as dicas a seguir.

1 – Evitar o acúmulo de mais gordura

Além de incluir atividades físicas é muito importante ter uma alimentação balanceada. Afinal, o acúmulo de gorduras acontece quando são ingeridas mais calorias do que o organismo necessita diariamente.

Porém, a restrição alimentar total não irá ajudar. O ideal é que a pessoa se alimente em menores quantidades do que está acostumada.

Fazer pequenas refeições a cada três horas é o ideal para que o metabolismo funcione bem ao longo do dia.

2 – Queimar a gordura localizada

É importante ingerir carboidratos que possuem um baixo índice glicêmico. Eles manterão os níveis de insulina estáveis e a glicose não sofrerá oscilação no sangue.

Esses carboidratos devem ser inseridos diariamente, já que são ricos em fibras e demoram mais para serem digeridos, assim o metabolismo se mantém acelerado. Grãos integrais, frutas, verduras e legumes são alguns deles.

Já aqueles carboidratos com alto índice glicêmico como açúcares, doces e arroz branco são digeridos rapidamente e vão retardar o metabolismo.

3 – Prática de exercícios físicos

É essencial a prática de exercícios aeróbicos e anaeróbicos.

Atividades como musculação e crossfit fortalecem, renovam e desenvolvem a musculatura, em especial quando os exercícios são focados na região abdominal.

Já os aeróbicos como corrida, andar de bicicleta, power jump, natação e lutas gastam grande quantidade de calorias no corpo todo, inclusive da área abdominal.

 

Bolsas de estudo para medicina no Mississippi, pode ser a solução para escassez de médicos nos Estados Unidos

Em um estado que ocupa o último lugar em cuidados de saúde em geral, os políticos e médicos no Mississippi estão implementando programas para lidar com um o déficit de médicos.

Um programa patrocinado pelo Estado, oferece bolsas de estudo para estudantes de medicina por até quatro anos. Até à data de abril 2017, 11 doutores graduaram-se no programa e outros 25 esperam começar a trabalhar. O programa de médicos do Mississipi, foi criado em 2007 com o objetivo de formar médicos voltados pra atendimento domiciliar para prestar cuidados para aqueles que estão em pequenas cidades.

Wahnee Sherman, diretor executivo da bolsa, disse que o programa foi modelado após uma iniciativa semelhante no Alabama, mas observou que o programa não tem um componente de bolsa de estudos. A Academia de Médicos de Família do Mississippi e a Associação Médica do Estado do Mississippi, foram instrumentais no lobby do Estado para a causa.

O estado de Magnolia tem 102,3 médicos de cuidados primários (PCPs) por 100.000 pessoas em comparação com a média nacional de 145,3, que está entre as três taxas mais baixas do país, de acordo com um relatório. Outro fator que contribui é o número limitado de instalações de treinamento no estado. Mississippi tem um grande centro acadêmico de ciência e pesquisa. Uma segunda faculdade médica focada na medicina osteopata abriu em 2008.

Sherman observou que leva algum tempo para um médico “crescer” e espera ver resultados definitivos nos próximos dois anos.

Um bolsista pode receber US $ 30.000 por ano para realizar a escola médica, mas ele deverá ser um residente do Mississippi e freqüentar a escola no estado. Depois de completar o programa e se formar, os novos médicos devem comprometer-se a trabalhar em uma área rural para cada ano que receberam a bolsa.

Laura Miller é um dos 11 médicos que começaram a trabalhar no Mississippi rural. Ela é médica de família em Crystal Springs, que é uma cidade com cerca de 5.000 moradores de acordo com dados do Censo dos EUA. Miller cresceu na área e queria trabalhar perto de sua cidade natal como uma médica de família.

“Eu sabia desde o início que ia fazer o atendimento domiciliar e planejava voltar para minha cidade natal ou perto”, disse Miller. “Então o programa foi perfeito para mim e eu me juntei na classe inaugural.”

Miller também notou a escassez de médicos de cuidados primários em algumas partes do estado, particularmente na região do Rio Mississippi. Em 53 de 82 municípios, os residentes devem dirigir 40 minutos ou mais para ver um médico para cuidados especializados, de acordo com a Universidade de Mississippi Medical Center (UMMC).

Para os pacientes que vivem em pequenas cidades, faz toda a diferença ser capaz de chegar a um médico nas proximidades. Deborah King possui uma loja de flores no centro de Crystal Springs e tem filhos que cresceram com Miller. Ela diz que se ela tivesse que dirigir uma longa distância para obter cuidados, ela provavelmente esperaria em buscar tratamento.

“Estamos muito gratos por tê-los”, disse King. “Eles fazem parte da comunidade, acreditam nas pessoas e sabem o que precisam”.

 

Como resultado de crescimento Mullen Lowe Brasil de José Henrique Boghi têm promoções

A Mullen Lowe Brasil, que até pouco tempo era conhecida por Borghi Lowe, empresa que tem como co-CEO o publicitário José Henrique Borghi, anunciou a conquista de novos cinco clientes em sua lista de clientes logo no primeiro trimestre do ano de 2017. Dentre esses clientes apenas um já havia trabalhado com a empresa anteriormente e agora retorna, sendo esta a Casa & Vídeo.

Os outros novos clientes da agência de José Henrique Borghi são nomes bem conhecidos, sendo eles a empresa de tintas Coral, a montadora Harley- Davidson, a Hammerite e a Sparlack.

Uma das formas de maior visualização de agências de publicidade é a qualidade e o tamanho de seus clientes; conquistando uma nova clientela, assim como a Coral e a Harley- Davidson colocam a Mullen Lowe Brasil como uma agencia de destaque no mercado.

Crescimento da agência

Com os resultados da Agency Scope de 2016, que avalia o mercado através de pesquisas com empresas, agências e profissionais da área da publicidade, foi revelado que a empresa da qual José Henrique Borghi é co-CEO e CCO está novamente em fase de crescimento. Não apenas isso, a empresa foi destaque em várias áreas pela terceira vez consecutiva.

Tal sucesso é visto como resultado das ações da alta diretoria que se envolve pessoalmente com os projetos dos clientes, além de ser líder no retorno por investimento, e sua facilidade de integrar os vários projetos de cada cliente de forma orgânica.

Resultados do crescimento

Como resultado de tantos sucessos e crescimento da agência de José Henrique Borghi e sua equipe acabaram acompanhando esse crescimento da empresa. A Mullen Lowe Brasil acabou por promover recentemente dois de seus funcionários à Direção de Criação, sendo eles Eduardo Salles e Gil Pinna.

Ambos, os novos promovidos à Direção de Criação são profissionais de grande experiência e currículo, premiados várias vezes em festivais de publicidade no Brasil e no mundo. Salles está na agência de José Henrique Borghi há 4 anos, mas acumula 15 anos de experiência na área de propaganda, tendo trabalhado em outras agências reconhecidas no mercado como a W/Brasil, DPZ e Artplan.

Já Pinna está no ramo de redação publicitária há 15 anos e está há pelo menos 8 anos trabalhando com a criação de campanhas para a Mullen Lowe Brasil, antiga Borghi Lowe. E tem no seu currículo, passagens também na DPZ e Z+.

Tanto Borghi, quanto André Gomes, ambos co-CEO da agência Mullen Lowe Brasil, citaram a importância da conquista dos cinco novos clientes conseguidos no primeiro trimestre deste ano, assim como a importância desses três primeiros meses de 2017. Ambos ressaltam o quanto é relevante ter as contas publicitárias desses novos clientes para a agência.

Fica destacado também por André Gomes como toda a equipe da agência vibra e percebe o bom momento em que estão passando, enquanto entregam as peças publicitárias para os novos clientes e já planejam novas peças com os mesmos, e como assim podem se aproximar de ainda mais novos possíveis clientes e fortalecer o laço que esses dos quais já cuidam das contas publicitárias.

 

 

 

Melhores exercícios cardiorrespiratórios

Image result for exercicio cardio respiratorios

Cada vez mais as pessoas fazem atividades físicas para manter a saúde, a disposição e também para um resultado estético.

As opções são diversas e a cada momento surgem novas modalidades com adeptos no mundo todo.

Seja qual for a atividade escolhida uma coisa é fato: elas são muito eficazes e garantem resultados surpreendentes quando se trada de saúde e estética.

Mas um dos benefícios que as pessoas têm buscado cada vez mais é o avanço da função cardiorrespiratória. Afinal, ela garante a melhoria da circulação e consequentemente o aproveitamento do oxigênio pelos músculos durante a realização dos exercícios.

As atividades focadas nessa função são muito importantes para a saúde do coração, para emagrecer, para perder gordura localizada e para ganhar resistência física, um prato cheio para chegar nos resultados esperados.

Corrida, spinning, power jump, lutas, treino funcional e crossfit estão entre as opções, que podem ser feitas em academias, em parques e até em casa. As possibilidades são muito variadas, tudo vai depender do que for melhor para cada um.

Conheça agora quatro atividades físicas que garantem a melhoria cardiorrespiratória.

1 – Corrida

Não só a corrida, mas também a caminhada são ótimas para a função cardiorrespiratória.

A diferença é que a caminhada tem menos impacto, e consequentemente trabalha menos resistência física que a corrida.

No parque, na esteira ergométrica, em praças e até na praia, a corrida pode ser feita em diversos lugares, vai depender da preferência de cada um.

Além de proporcionar o aumento do metabolismo, ela também é ótima para trabalhar os músculos das pernas e do abdômen.

2 – Spinning

É uma aula feita na bicicleta ergométrica na academia, com um professor dando as orientações ao embalo de muita música e animação.

A aula é bem variada, com aumento da carga da bicicleta, pedalada em pé e sentado e aumento da velocidade da pedalada.

Ela trabalha bem os músculos das pernas e dos glúteos, além de garantir grande gasto calórico.

3 – Treino funcional

Ele trabalha todos os músculos utilizando o peso do corpo, com atividades como flexão de braço e agachamento. Podem ser acrescentados também alguns equipamentos como corda e elástico.

A aula é dinâmica e inclui atividades aeróbicas como corrida e polichinelo, mas os exercícios são feitos alternadamente e de forma rápida, com cerca de um minuto para cada um, com poucos segundos de descanso.

4 – Crossfit

É um treino de força e também de condicionamento físico feito com movimentos funcionais para que o praticante ganhe condicionamento metabólico e aeróbico.

Com muito peso e diversos equipamentos e focado em todos os músculos do corpo, ele busca desenvolver e melhorar as capacidades físicas como resistência cardiovascular e muscular, força, flexibilidade, precisão, agilidade, potência, coordenação, equilíbrio e velocidade.

 

 

6 alimentos deixam dentes mais saudáveis

Image result for dentes saudaveis

A maioria das pessoas ao se alimentarem preocupam com os nutrientes que estão ingerindo e seus efeitos no organismo, porém, poucos se preocupam em como os alimentos podem auxiliar na saúde dos dentes. A consulta regular ao dentista associada a uma correta higienização como escovar os dentes sempre após as refeições e passar o fio dental, podem garantir uma boa saúde bucal. Mas, alguns alimentos podem auxiliar nos cuidados com os dentes deixando-os mais fortes, brancos e saudáveis. Conheça 6 alimentos que prometem ajudar nos cuidados com os dentes.

  1. Queijo

Um tipo de proteína encontrada no queijo chamada caseína junto com cálcio e fósforo presente em produtos lácteos ajudam na reparação do esmalte do dente. Um pedaço de queijo é capaz de aumentar o fluxo salivar ajudando a eliminar restos de alimentos e neutralizar o ph da boca, deixando menos ácido e propenso a deterioração dos dentes.

  1. Pepino

Em se tratando de cuidados com a beleza, o pepino serve pra muito mais do que colocar no olhos para evitar olheiras. Ele auxilia na produção de saliva, garantindo uma higienização natural e remoção de bactérias.

  1. Uva passa

Presente na tradicional farofa natalina e muita das vezes ignorada, as uvas passas podem prevenir cáries e doença periodontal. Além de proteger os dentes do acúmulo de placa, elas também atuam aumentando a produção de saliva, sendo mais um alimento que auxilia na higienização bucal.

  1. Chiclete sem açúcar

Um adoçante natural recomendado pelos dentistas chamado Xilitol é capaz de prevenir cáries. O ato de mascar o chiclete estimula a produção de saliva, remove bactéricas e combate aquele terrível mal hálito.

  1. Castanha do Pará

Um lanchinho prático na tarde que ainda protege os dentes. A castanha do pará cria uma barreira que impede as bactérias de se aproveitarem dos dentes. O óleo proveniente da castanha do pará já foi adicionado em cremes dentais para fins de pesquisa obtendo resultado positivo.

  1. Cenoura

A cenoura contêm vitamina A que ajuda a manter o esmalte do dente saudável, deixando o sorriso mais branco. Além disso, comer a cenoura crua estimula a salivação promovendo limpeza e remoção de bactérias.

 

Duda Melzer congratula equipe do Jornal Zero Hora por premiações internacionais

O chairman e presidente do grupo RBS, Duda Melzer, parabenizou a equipe do Jornal Zero Hora pela conquista de dois prêmios internacionais. Os trabalhos, “Mangá Colorado” de Gilmar Fraga e Diogo Perin e “Descubra seu candidato” de Leonardo Azevedo e Guilherme Maron, foram selecionados entre mais de mil concorrentes na sexta edição do Prêmio de Excelência no The Best of Digital Design Competition promovido pela Society for News Design (SND) nos Estados Unidos em março deste ano, realizado no campus Medill da Northwestern University em Washington, D.C. Trata-se de mais um reconhecimento internacional da qualidade técnica do Jornal Zero Hora.

Duda Melzer e o reconhecimento da importância do setor digital

O Jornal Zero Hora é o maior jornal de circulação no sul do país com sede na cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. O jornalismo digital do ZH iniciou suas atividades no ano de 1995 nos primórdios da internet comercial no Brasil. Em dezembro de 1996 foi lançado on-line o ZH Digital como uma estratégia do Grupo RBS de investimento nesse novo segmento que já entrava em vigor em outras partes do mundo.

O ZH digital esteve on-line de 1996 a 2000 completando um período experimental de jornalismo digital. No ano de 2000 o Grupo RBS lançou o portal clicRBS como sua nova marca digital. Em 2007, comemorando os 50 anos da companhia, o Jornal Zero Hora lançou oficialmente o site zerohora.com. Duda Melzer, ao congratular a equipe do ZH além reconhecer o bom trabalho de seus colaboradores confirma o êxito da estratégia da companhia no setor digital.

Com mais de vinte anos de atuação no jornalismo digital, o Jornal Zero Hora nos últimos três anos recebeu destaque internacional por suas produções. Em 2015 o Jornal foi premiado pela Society for News Design pela publicação de ilustrações dos jogadores da copa do mundo 2014. Em 2016 foi reconhecido pela mesma instituição pelo lançamento do game “Seja um libertador da América”, produzido por Leonardo Oliveira e Guilherme Maron. O prêmio da SND é conhecido com o Oscar do design gráfico dos jornais de revistas.

Criada em 1992, Society for News Design é uma fundação educacional sem fins lucrativos que promove e ensina o melhor jornalismo visual do mundo. A fundação realiza anualmente concursos e competições internacionais buscando consagrar as melhores produções e iniciativas no campo do jornalismo visual. SND é uma entidade de design de noticiais reconhecida mundialmente.

Duda Melzer foi responsável por expandir os horizontes do Grupo RBS consolidado como líder no segmento de mídia no sul do país. Como administrador de um grande empreendimento teve que de compreender as transformações do mundo tecnológico, e apostar nas novas mídias digitais. Com seu modo de fazer gestão, conduz o empreendimento para os novos desafios que mundo digital reserva.

O reconhecimento internacional das produções do jornalismo digital do Jornal Zero Hora sinaliza o êxito de Duda Melzer em investir no setor digital. Você pode companhar conteúdos atualizados nos portais zerohora.com ou também no clikrbs.com.br e mantenha-se bem informado 24 horas por dia.